Caixas e lembranças: as várias faces da mudança

Mudar de casa pode ser o começo de uma vida nova. Para chegar lá, no entanto, é preciso lidar com uma mistura de sentimentos que muitas vezes ficaram guardados no fundo da gaveta.

Você encontrou um apartamento que é a sua cara e mal consegue esperar para fazer a mudança e organizar aquele open house que vai inaugurar sua nova vida. E não é essa a sensação que dá? Mudar de casa é uma oportunidade para começar uma fase totalmente nova, com o máximo possível de boas energias. Antes disso, no entanto, você pode se preparar para lidar com uma confusão de sentimentos que devem aparecer duram esse processo.

Mudança promove reencontro com objetos e lembranças

Sabe aquele casaco que você usou naquela viagem e nunca mais tirou do armário? E aquelas anotações que você foi jogando na gavetinha do aparador de entrada por tantos anos? E aquela camiseta que nem é sua? (De quem era mesmo?)

Roupas, documentos, fotos, livros... é muito provável que alguns desses reencontros tragam uma enxurrada de lembranças (boas ou nem tanto). E não se engane. Tanto quanto as caixas de papelão, as recordações fazem parte do processo de mudança.

O importante nessa hora é manter o entusiasmo pela novidade e não se desviar do foco. Afinal, você quer inaugurar a casa nova mais rápido possível, não é? Uma dica é separar tudo em quatro “blocos”: o que vai com você, o que fica no self storage, o que pode ser doado, o que vai para descarte.

Self storage ajuda a organizar itens da mudança

O que vai com você

Para começar, decida o que vai para a casa nova. Essa escolha não é difícil. Você gosta? Você usa? Tem espaço na casa nova? Vai com você.

O que fica no self storage

Para o self storage pode mandar objetos e documentos que você quer guardar, mas não necessariamente precisam estar no seu novo espaço de vida. Documentos antigos, álbum de família, cafeteira reserva etc.

O que pode ser doado

Para a doação você pode mandar roupas, eletrodomésticos antigos, móveis. Tudo o que você não quer carregar mas pode ser útil para alguém. Aquele casaco que você sabe que nunca mais vai usar. O sapato que você amava mas ficou apertado. Tudo isso.

Dica: todas as unidades da GoodStorage são pontos de coleta do Exército de Salvação.

O que deve ser descartado

Para o descarte comum ou seletivo vai o que realmente não tem mais utilidade para ninguém. Isso inclui documentos, cartas, fotos e tudo o mais que já teve valor, mas hoje não tem. Não se esqueça de rasgar qualquer informação que possa ser utilizada por algum mal-intencionado.

Com tudo organizado, aquela mistura de sentimentos tende a desaparecer. E você provavelmente vá se sentir mais leve ao deixar para trás o que não serve mais. Feliz vida nova!

A GoodStorage é o maior rede de self storage de São Paulo, com 11 unidades localizadas em pontos estratégicos. A GoodStorage oferece a locação de box de 1m² a 100m² para guardar o que tem valor para você e para a sua empresa pelo tempo que precisar, com flexibilidade e segurança. Solicite o seu orçamento.