Dicas

Last Mile e Self Storage: entenda a relação

Quando falamos do uso do self storage por pessoas jurídicas, os ganhos são bastante notáveis. A solução também auxilia na logística, incluindo o last mile (última milha, em português) — trata-se da última etapa do processo de entrega, quando a mercadoria sai do centro de distribuição e chega até o comprador.  Para conseguir dar agilidade […]

  • 18 de janeiro de 2021

Quando falamos do uso do self storage por pessoas jurídicas, os ganhos são bastante notáveis. A solução também auxilia na logística, incluindo o last mile (última milha, em português) — trata-se da última etapa do processo de entrega, quando a mercadoria sai do centro de distribuição e chega até o comprador. 

Para conseguir dar agilidade às entregas, fazendo com que essa etapa seja eficiente, muitos lojistas e donos de e-commerces optam pelo self storage. Para saber mais sobre esse serviço e sua relação de impacto positivo com o e-commerce, continue a leitura!

Saiba o que é e qual a importância do last mile

A última milha, como o próprio termo sugere, é a última fase antes de a mercadoria chegar às mãos do consumidor. Logo, trata-se do momento em que o produto sai do centro de distribuição e chega ao destino final. 

Normalmente, esse centro de distribuição é um galpão que fica afastado dos grandes centros urbanos. Consequentemente, é um serviço que gera custos para que o lojista guarde o seu estoque.

O last mile impacta tanto o consumidor quanto a empresa. No primeiro caso, é em relação às expectativas e à experiência. Não basta apenas informar o prazo de entrega, o cliente quer realmente acompanhar todo o processo de sua compra em tempo real. Se houver atraso ou qualquer problema no momento na entrega, essa experiência é prejudicada e pode abalar a relação entre ele e a empresa.

No segundo caso, que é a empresa, a última milha é uma das etapas mais caras. Caso aconteça alguma falha, o empresário tem custos com a troca e com o reenvio do item.

Veja como o self storage pode ajudar o processo de logística

Diante do cenário que vivemos atualmente, reduzir gastos e otimizar processos são ações essenciais para que as empresas sobrevivam ao mercado e tenham lucros. Para isso, o self storage se torna uma opção bem interessante e vantajosa.

Em relação à última milha, o serviço melhora bastante o desempenho logístico. O self storage tende a ser mais barato que galpões, além de ter uma localização privilegiada, otimizando tempo e gastos com transportes.  Afinal, o produto está mais próximo ao cliente.

A flexibilidade é outro diferencial. Os contratos são mensais, então o empresário pode definir os períodos que têm mais vendas, por exemplo, para fazer a contratação. O cancelamento não tem multa, basta avisar com antecedência.

Conheça formas de melhorar a última milha

Além do self storage, existem algumas medidas para otimizar a última milha. Veja algumas!

  • ter um processo para a entrega;
  • contar com o auxílio de tecnologias;
  • priorizar entregas com agendamentos;
  • trabalhar com mais de um fornecedor;
  • acompanhar todo o processo de entrega.

Como vimos, o last mile é uma etapa que toda empresa precisa priorizar, pois diz respeito à experiência do cliente e aos custos da empresa. Contar com o self storage, que é um serviço sem burocracias, flexível e com ótimo custo-benefício, é uma forma de melhorar esse processo.

Curtiu as informações? Esperamos que sim! Aproveite e faça um orçamento sem compromisso com os nossos especialistas!

Veja também