BLOG GOODSTORAGE

Self Storage é tendência no mercado imobiliário

Self Storage é tendência no mercado imobiliário

Self Storage é tendência no mercado imobiliário

A locação de boxes individuais para o armazenamento de bens pessoais e itens empresariais já é uma tendência. Essas novas formas de utilização de espaços também estão aquecendo o mercado imobiliário. 

Com os imóveis cada vez menores, muitas pessoas buscam por opções que ofereçam maior comodidade para que as atividades dentro de casa sejam feitas com mais conforto — principalmente por conta da pandemia. 

Nesse sentido, o self storage atua como uma extensão da casa, do apartamento ou da empresa. Que tal saber mais? Venha com a gente!

Self storage como atividade imobiliária

O self storage é classificado como atividade imobiliária pelo IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística –  desde o ano de 2013. Para se ter ideia, hoje, no Brasil, existem 74 cidades com o self storage, com mais de 82 mil boxes e cerca de 120.000 m2 disponíveis.

Esses números são da ASBRASS -Associação Brasileira de Self Storage, e demonstram que o setor está crescendo cada vez mais. Esse aumento também é reflexo da pandemia. Ainda de acordo com números da ASBRASS, boxes compactos, com até 3 m2, concentram parte significativa da demanda, representando 37,8% dos alocados.

Além da otimização do espaço

Quando falamos sobre ter mais espaço em casa ou melhorar a logística da empresa por meio do self storage, muitas pessoas pensam que os benefícios param por aqui. E não é bem assim. 

Otimização do espaço

Otimização do espaço

Na realidade, é também uma forma de economizar dinheiro. Como mencionamos, a oferta de imóveis menores é cada vez maior. Logo, o self storage é uma possibilidade de optar morar em um lugar menor, com custos reduzidos e pagar por uma “área externa” para armazenar somente aquilo que não é necessário ter dentro de casa ou da empresa no momento.

Praticidade, segurança e economia são alguns dos principais diferenciais do self storage. Nos Estados Unidos, a solução ganhou notoriedade por conta desses diferenciais. Assim, pessoas que estão em fase de mudança e/ou que não têm um espaço para guardar itens de decoração, por exemplo, conseguem ter todos os pertences armazenados em condições ideais sem que seja preciso comprometer o espaço da residência.

Inovações no setor

Assim como outros setores econômicos, o self storage também sofreu com os impactos da pandemia. Os decretos governamentais não determinaram o fechamento das unidades, mas as empresas precisaram tomar algumas providências para evitar ao máximo a disseminação e o contágio da Covid-19.

Os processos se tornaram ainda mais eficientes para que as pessoas conseguissem se organizar, manter seus pertences protegidos e, até mesmo, reestruturar a logística de seus negócios. 

O mercado continua aquecido. E é justamente por isso que é possível encontrar self storages próximos aos centros urbanos. Assim, conseguem atender às necessidades de quem precisa guardar desde objetos simples a pertences maiores em endereços estratégicos.

Como vimos, o self storage é uma tendência no mercado imobiliário e facilita a vida de pessoas e empresas. Por conta da economia, praticidade e segurança, é uma opção interessante e que só tem a crescer no Brasil.

E você, conhecia todos esses diferenciais do self storage? Aproveite a visita em nosso blog e faça um orçamento sem compromisso com os nossos consultores!



GoodStorage na mídia

Valor EconômicoJovem Pan NewsMais VocêExameEstadãoG1
Ligar Faça um orçamento Orçamento Chat Online Chat Online Entre em contato. Email 1122221220 Whatsapp